Por: Ricardo Gebeluca | 1 mês atrás

O presidente Jair Bolsonaro parabenizou a Polícia Federal na manhã desta terça-feira (26) após tomar conhecimento da Operação Placebo, que teve como alvos o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e a primeira-dama do Estado, Helena Witzel. O chefe do Executivo disse que soube da operação pela imprensa.

– Parabéns à Polícia Federal. Fiquei sabendo agora pela mídia. Parabéns à Polícia Federal, tá ok? – afirmou.

A operação, batizada de Placebo, busca, segundo a PF, provas de um possível esquema de corrupção envolvendo uma organização social contratada para a instalação de hospitais de campanha e “servidores da cúpula da gestão do sistema de saúde do Estado do Rio de Janeiro”.

A investigação apura fraudes na contratação da organização social Iabas para a montagem de hospitais de campanha. O inquérito contra Witzel foi aberto a partir de um depoimento de Gabriell Neves, ex-subsecretário de Saúde preso sob suspeita de fraudes na compra de respiradores.

Neves mencionou o nome do governador ao Ministério Público do Rio de Janeiro. Estão sendo cumpridos 12 mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro e São Paulo.