Por: Ricardo Gebeluca | 03/07/2018
O governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira (MDB), decretou situação de emergência no sistema prisional do Estado por 180 dias. Em coletiva na manhã desta terça-feira (3), ele afirmou que, durante esse período, devem ser abertas 1436 vagas nas unidades que já funcionam.

Pinho Moreira ainda afirmou que lançará edital de concurso público para contratação de 800 agentes prisionais, ainda em sua gestão.

Segundo o governo do Estado, a entrada de presos triplicou, sendo nove por dia. A superlotação nas penitenciárias é um dos motivos para o decreto. A outra é a recusa de prefeituras de judicialização de projetos para construção de novos presídios.

Também participaram da coletiva os secretários de Justiça, Leandro Lima, e de Segurança Pública, Alceu Oliveira Pinto.

Fonte: Notisul