Por: Ricardo Gebeluca | 11/05/2019

Uma integrante do PGC (Primeiro Grupo Catarinense) foi presa escondida em uma casa no bairro Morretes, na cidade de Itapema, na última quinta (9). A mulher, conhecida como Mística, estava foragida da Justiça. De acordo com informações da Polícia, a mulher integra o alto escalão do PGC e foi presa acusada de organizar um esquema criminoso.

A ação foi um trabalho em conjunto da Polícia Civil de Itapema e São José. O mandado de prisão foi expedido pelo Gaeco (Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas) de Florianópolis.