Por: Ricardo Gebeluca | 12/02/2019

Ao menos 500 equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade estão desligados nas rodovias federais que cortam o Estado de Santa Catarina nesta última segunda-feira (11), assim informa o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (Dnit). Os aparelhos estão desligados por falta de contratos de manutenção.

A informação foi confirmada apenas nesta segunda, mas os equipamentos estão desligados desde o inicio de fevereiro, informou o Dnit. A nova administração entendeu que era preciso escolher novamente as empresas de manutenção, o que fez com que os serviços fossem interrompidos.

Os pontos onde a fiscalização não funciona não foram precisados pelo Dnit. O Dnit ainda afirma que o problema não é estadual, mas ocorre em todo o Brasil.

Lei na integra a nota do Dnit

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT esclarece que os contratos relativos ao Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade – PNCV, tiveram suas vigências encerradas em 14/01/2019 e foram remodelados em 24 lotes, dos quais 17 já receberam ordem de serviço e estão em execução.

Importante destacar que, por força dos novos contratos, haverá um processo de modernização e substituição de equipamentos.

Crédito da foto: O Fluminense