Porto Belo busca providências para aumento da demanda no Pronto Atendimento

Com o aumento da população presente do Município de Porto Belo durante a temporada de verão, a demanda aumenta também no Pronto Atendimento. O sistema de saúde tem apresentado colapso na maioria das cidades do litoral catarinense e em Porto Belo, o Governo Municipal tem criado estratégias para resolver os problemas ocasionados pelo grande fluxo de pacientes que procuram por ajuda médica.

O Pronto Atendimento, que funciona das 7h às 0h todos os dias, conta com dois médicos em período normal. O aumento no número de pacientes que procuram atendimento resultou na necessidade da contratação emergencial de mais um profissional, além de adequações no espaço e na equipe.

O prefeito de Porto Belo Emerson Stein explica que esta é uma situação sem precedentes. “Nós já estávamos acostumados com o aumento no número de atendimentos durante a temporada de verão, mas nada parecido com o que está ocorrendo neste momento. Além dos atendimentos normais, tivemos o aumento considerável de casos de coronavírus e gripe forte, o que obriga as pessoas a procurarem atendimento, preocupados com a situação da pandemia. Precisamos resolver esta situação para melhor atender moradores e turistas” – explica o prefeito.

O Pronto Atendimento de Porto Belo funcionou 20h seguidas na última terça-feira (04) e não fechou enquanto não atendeu todas as pessoas que buscavam ajuda. O sistema contabilizou 264 atendimentos durante todo o dia, o que é muito acima dos atendimentos em dias normais.

É importante destacar que o Pronto Atendimento funciona via SUS e tem a obrigatoriedade de atender todas as pessoas que procuram por atendimento médico, independente se é morador, ou se está apenas de passagem pela cidade.

Últimas Notícias

Mais lidas