Por: Ricardo Gebeluca | 10/05/2018

Na tarde desta quarta-feira (09), a Polícia Militar foi acionada para ocorrência de roubo a um restaurante, no bairro Canto Grande, em Bombinhas.

A vítima informou que dois homens chegaram ao local, em uma Honda/Biz de cor branca, e, de posse de uma espingarda, anunciaram o roubo. Foram subtraídos um celular Samsung J5 e uma bolsa contendo R$ 500,00, um mini Ipad Apple e documentos.

No momento da fuga, a filha da vítima se insurgiu contra os autores e retirou deles a espingarda calibre .22 utilizada no crime, os dois fugiram e deixaram a arma para trás.

A filha da vítima informou aos policiais que conhecia um dos agentes, sendo mostrada uma foto dele e confirmada a identidade. Os policiais militares, que já conheciam o homem, identificado como Sandro, foram até sua casa, mas ele não estava no local.

No entanto, o pai de Sandro informou que ele poderia estar na casa de um amigo chamado Leomar. Este também não estava em casa, mas o sogro disse que os dois estiveram momentos antes no local, inclusive com uma Biz branca.

O sogro franqueou a entrada dos policiais no imóvel, onde foram localizados um estojo de munição .22 e uma tampa com disparo de arma de fogo. Foi encontrado, também, um moletom cinza, que foi reconhecido pela vítima como sendo o utilizado por um dos autores durante o roubo.

A Polícia Militar continuou em diligências, que resultaram na localização de Leomar, cujas características físicas e de voz também foram reconhecidas pela vítima.

Diante de todos os fatos, Leomar foi apresentado na Delegacia de Itapema para demais providências, enquanto Sandro permanece foragido.

Tenente Alex Matias

Comandante da Polícia Militar de Porto Belo e Bombinhas