Por: Ricardo Gebeluca | 14/03/2019

O relatório de balneabilidade das praias de Balneário Camboriú referente a coleta da última sexta-feira (08), feita pelo Freitag Laboratórios Ltda, repetiu o resultado das últimas coletas. Dos 15 pontos analisados, 13 pontos estão próprios para banho. Apenas o ponto em frente à Rua 1001 e o Pontal Norte, na Praia Central, estão impróprios. O relatório atualizado está disponível no site da Emasa: www.emasa.com.br/analises.

Os 15 pontos analisados são: Estaleirinho, Estaleiro, Taquaras (em frente ao ponto de ônibus e em frente à Escola Municipal), Laranjeiras, Frente a Rua 4009 – Pontal Sul, Rua 4000, Rua 3500, Rua 3000, Rua 2500, Rua 2000, Rua 1400, Rua 51, Rua 1001, Pontal Norte.

As coletas realizadas pelo laboratório Freitag – credenciado pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA) e acreditado no INMETRO, acontecem desde março de 2018 e desde o dia 1º de fevereiro deste ano, ocorrem três vezes por semana. O laboratório é contratado pela Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), em cumprimento ao TAC com o Ministério Público para analisar a qualidade da água das praias.

Lagoa de Taquaras e desativação da ETE

A Lagoa de Taquaras, na Praia de Taquaras, possui um monitoramento específico realizado quinzenalmente pelo laboratório Beckhauser & Barros – também credenciado no IMA e acreditado no Inmetro. A Lagoa sempre foi um ponto de balneabilidade negativo, porém, o processo para despoluição começou com a desativação da Estação de Tatamento de Esgoto (ETE) de Taquaras. A estação considerada ineficiente, era uma das responsáveis pela poluição da Lagoa de Taquaras. Agora, o esgoto está sendo levado para a ETE do Bairro Nova Esperança, onde há capacidade necessária para proceder o tratamento adequado de esgoto.

O monitoramento seguirá quinzenal pelos próximos meses para verificar a necessidade de novas ações, dentro das tecnologias disponíveis, para ser aplicada na Lagoa, com objetivo da total despoluição.