Por: Redação | 24/09/2021

O Detran de Santa Catarina (Departamento Estadual de Trânsito) reajustou as tarifas de uma série de serviços praticados por empresas credenciadas ao órgão. Os valores foram alterados em até 12,47%, conforme o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor).

As portarias com os novos preços das taxas foram publicadas no DOE (Diário Oficial do Estado) na última segunda-feira (20) e já estão em vigor.

A identificação de placa veicular feito pelas empresas credenciadas sofreu reajuste de 10,21%. As vitorias foram reajustadas em 12,28%. Os serviços praticados pelos despachantes tiveram aumento de 10,21%.

O preço pago pelo exame de avaliação psicológica e de aptidão física e mental, prestado por clínicas médicas credenciadas ao Detran/SC, sofreu o maior aumento, de 12,47%. A nova correção nos preços varia de R$ 8,38 a R$ 18,44.

 

Pandemia barrou aumento

Os valores não eram alterados desde fevereiro de 2020. Sandra Mara Pereira, diretora do Detran/SC, diz que o reajuste foi postergado devido aos efeitos da pandemia da Covid-19.

Segundo ela, no decorrer de 2020, as empresas solicitaram aumento nas tarifas, negado pela diretora. Inicialmente, o reajuste estava planejado para o começo de 2021. Contudo, uma segunda onda da Covid-19 adiou o aumento para este segundo semestre.

“Estávamos com muitas pessoas no Estado perdendo emprego, com redução salarial e vivendo do auxílio emergencial. Então, entendemos que não deveríamos dar esse aumento aos credenciados. Como se justificaria o aumento à população enquanto as pessoas estavam procurando uma renda extra por conta do que o país estava passando?”, argumentou a diretora do órgão estadual.

 

Avaliação do reajuste

O motorista de aplicativo Heverton Medina comprou, recentemente, um veículo no Rio Grande do Sul e foi surpreendido ao trocar as placas em Santa Catarina. Ele pagou R$ 110,21 por cada uma.

“Muito pesado. Muito pesado mesmo no bolso. Ultimamente, a gente está ganhando tão pouco e as coisas só aumentando. O salário não está acompanhando o ritmo de aumento”, disse.

Já para Mila Pereira, proprietária de uma loja credenciada em vistoria, o reajuste chegou em boa hora.

“Nós já vínhamos praticando há bastante tempo o preço fixo que era estipulado pela portaria e conseguimos apenas fazer os descontos para os nossos parceiros porque ficamos limitados no valor. Então, agora, com esse reajuste vamos conseguir trabalhar melhor”, comemorou Mila.

 

Confira abaixo as novas taxas:

  • Estampagem por unidade de placa: R$ 110,21
  • Serviço de vistoria em veículo de pequeno porte: R$ 120,42
  • Serviço de vistoria em veículo de médio porte: R$ 144,50
  • Serviço de vistoria em veículo de grande porte: R$168,59
  • Exame de avaliação física e mental: R$ 75,58
  • Processo de licenciamento anual: R$ 100,86
  • Processo de registro inicial: R$ 203,33
  • Processo de emissão de 2ª via de CRV/CRLV: R$ 203,33
  • Processo de transferência de propriedade: R$ 203,33
  • Processo de remarcação de chassi: R$ 203,33
  • Processo de alteração de dados e características: R$ 203,33
  • Exame de avaliação psicológica: R$ 75,58
Informações ND+