Por: Ricardo Gebeluca | 29/10/2018

Comércios já se adaptam a nova tendência da energia renovável. Em tempos de crise econômica e alterações climáticas, produzir a própria energia poupa o bolso do consumidor. Ainda mais quando falamos em comércio, que possuem tantas outras despesas.

O mercado e distribuidora da praia dos Ingleses Sabor do Queijo se antecipou para economizar na temporada de verão. A Quantum Engenharia, referência em energia solar no Estado, é a responsável pelo projeto do sistema de energia solar e a instalação de 404 módulos fotovoltaicos para captar energia da luz do sol.

A estimativa de economia mensal do mercado é de aproximadamente R$ 7 mil. Além da economia, a energia solar contribui com o meio ambiente. O ganho ambiental e de sustentabilidade do Sabor do Queijo em 25 anos é equivalente a 51.143 unidades de árvores plantadas, além de deixar de emitir 1.993.056 kg de CO² na natureza e 13.274.503 km de poluentes produzidos por automóveis.

Para o presidente da Quantum Engenharia, Gilberto Vieira Filho, este tipo de facilidade é essencial para quem busca alternativas limpas de energia, além de gastar menos. “Temos no Brasil um enorme potencial para geração de energia solar. Com a facilidade do financiamento, muitas pessoas terão acesso a esta tecnologia, economizando consideravelmente e poluindo cada vez menos”, ressalta.

Com o sistema de energia solar, que pode produzir até 100% da energia exigida pela casa, se o consumo da unidade for menor do que a energia gerada, ainda pode ser entregue à companhia de luz, a Celesc, e utilizada posteriormente em forma de crédito na conta. O payback – tempo em que o valor do investimento é pago com a economia na conta de luz, é de até cinco anos.