Por: Ricardo Gebeluca | 18/01/2018

A preocupação com a ordem pública, combate aos crimes, segurança e bem-estar dos cidadãos, estão entre as missões e prioridades da Polícia Militar. Partindo desses objetivos, a Operação Veraneio foi criada para reforçar o que já é feito durante o ano pelas radiopatrulhas, porém, foi necessário preparar, criar novas estratégias e principalmente reforçar a equipe para atender à demanda.

Considerando o grande aumento no número de pessoas circulando na cidade entre turistas e moradores, a Polícia Militar realiza abordagens preventivas mais frequentes além de atender aos chamados feitos pela população pelo telefone de emergência 190. A operação conta com apoio da cavalaria, K9 (Canil Setorial e Central), Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (ROCAM), Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT), Bike Patrulhas, CHOQUE, BOPE e Batalhão de Aviação com os helicópteros Águias, além dos programas especiais da “Rede de Vizinhos” e “Rede Catarina de Proteção à Mulher”.

O número de roubos no primeiro mês da Operação Veraneio deste ano teve queda de 47,89% comparado ao ano anterior. Ou seja, as estratégias de policiamento aplicadas, como abordagens preventivas e barreiras, estão trazendo resultados positivos para a comunidade.

Graças ao grande número de policiais nas ruas da cidade, ontem, dia 16, por volta das 19h, a Polícia Militar impediu um roubo à mão armada em um comércio com informações repassadas por um morador. Na ação, dois homens foram presos em flagrante enquanto realizavam o crime no interior da loja.

Ações dessa natureza acontecem com o planejamento da Polícia Militar e apoio da comunidade.