Por: Ricardo Gebeluca | 02/08/2019

De agosto a setembro, o grupo vocal As Passarinhas circula a cidade de Balneário Camboriú com o projeto “Passarinhar”, que consiste em apresentações em espaços públicos, de forma acessível e gratuita para toda a comunidade. Coordenado por Susi Brito, As Passarinhas é o único grupo vocal da região, formado por nove mulheres que encontraram afinidade na música, utilizando-a não só como expressão artística, mas também como uma forma de terapia.

Passarinhar tem direção artística de Susi Brito, que preparou um repertório tipicamente brasileiro e com muita diversidade rítmica: samba, choro, maxixe, moçambique, côco, ciranda, samba rock, entre outros. A maioria das canções são de compositoras catarinenses, como Ana Paula da Silva, Tatiana Cobbett, Iara Germer, Natália Livramento e a própria Susi Brito, bem como outras brasileiras (Flavia Venceslaw e Ana Carolina) e compositores renomados como Guinga, Ary Barroso, Tom Zé.

A proposta é levar boa música, com boas mensagens aos espectadores, sempre buscando conciliar cultura brasileira e entretenimento. Nas apresentações, As Passarinhas serão acompanhadas pelos músicos Luiz Palmeira (violão 7 cordas), Adão Menger (bandolim) e Jean Boca (percuteria), além da coordenadora Susi Brito. Todas as apresentações são gratuitas com classificação indicativa livre.

Ao término de cada show, o grupo promove uma roda de conversa sobre o Cantoterapia, ou seja, como a música exerce um papel muito além do entretenimento, servindo como cura da alma, do corpo e do espírito. A conversa vai ao encontro da ideologia do grupo, pois, para essas mulheres, cantar não é apenas diversão ou trabalho, mas um ato de reflexão e empoderamento.

Confira as datas das próximas apresentações e compareça!

“Passarinhar” é um projeto patrocinado pela Fundação Cultural de Balneário Camboriú com recursos da Lei de Incentivo à Cultura do município. Realização Susi Brito. Produção executiva Elaine Calove.

 

O grupo vocal As Passarinhas foi formado há dois anos por ocasião dos encontros reiterados para estudo e cantoterapia no espaço Um Tom para Cantar, sediado na cidade de Balneário Camboriú. É composto por nove mulheres que encontraram afinidade na música, utilizando-a não só como expressão artística, mas também como uma forma de terapia. A iniciativa partiu da cantora e professora de canto Susi Brito, que com 10 anos de carreira já gravou CDs e DVDs, participou de festivais como concorrente e como atração convidada, criou projetos e fundou o espaço de canto Um Tom para Cantar. O que começou como um exercício nos moldes de “quem canta seus males espanta”, virou trabalho profissional. Inicialmente sem pretensões, as “passarinhas” — como Susi Brito passou a chamar as alunas — começaram a apresentar seus recitais de canto ao fim de cada semestre. Com o retorno positivo das pessoas que assistiam as apresentações, em 2016 as passarinhas bateram asas e se tornaram oficialmente “As Passarinhas”, o único grupo vocal feminino de Balneário Camboriú.